Investimentos em segurança e operação colocam o SOC em alto nível

Segurança da Informação, SOC - 29/05/2013

Além de oferecer melhores condições de acesso aos usuários, aquisição também contemplou novas unidades de armazenamento para o software

1280071_58674695 copyQuando falamos em Computação em Nuvem (Cloud Computing) ou Software como Serviço (SaaS) viajamos por um amplo universo da tecnologia, capaz de solucionar grandes gargalos ou piorar a gestão empresarial das corporações. Esta divisão entre os dois extremos existe por alguns motivos. Em alguns casos, o cliente desconhece a estrutura técnica que é necessária para que um serviço ou produto funcione de forma correta na web. Por outro lado, prestadores de serviços na Internet não investem em infraestrutura tecnológica ideal para atender as demandas de seus usuários em grande escala de operação.

Preocupada em oferecer níveis de serviços cada vez mais elevados aos mercados de Saúde, Meio Ambiente e Gestão Ocupacional do Brasil, a AGE Technology, empresa mantenedora do SOC – Software Integrado de Gestão Ocupacional, investe de forma contínua em tecnologia e infraestrutura operacional. Com a mudança para um novo Data Center, a aquisição de novos servidores e unidades de armazenamento, a companhia antecipa a capacidade de escala de seus produtos para atender demandas futuras e amplia seu parque tecnológico para oferecer de imediato melhores tecnologias às suas plataformas de operação.

“Pensando em planejamento e visão de futuro, adquirimos dois novos servidores e três unidades para armazenamento de dados, conhecidas como storages. Estes equipamentos irão atender as demandas operacionais do SOC e do Maestro BPM, nossos principais produtos em funcionamento no mercado. O investimento não é fruto de uma necessidade pontual de nossos softwares, mas porque enxergamos um novo horizonte e queremos responder de forma rápida e eficiente quando este momento chegar. Foi algo focado no atendimento aos clientes”, revela Luiz Fernando Diniz, diretor de infraestrutura da empresa.

Os servidores adquiridos pela empresa utilizam tecnologia de ponta PowerEdge™ R710, baseadaem processadores Intel® Xeon®. Diniz explica que eles são projetados com capacidade de memória 125% maior que a geração anterior, entre outras vantagens. “Este upgrade é essencial para o desempenho de sistemas como os nossos. Cada servidor possui discos rígidos redundantes e armazena quatro terabytes (4TB) de informação. Além disso, as três storages oferecem mais 15TB independentes, em sistemas redundantes e com discos de espera para emergências”.

Data Center

A estrutura tecnológica do SOC e do Maestro está em operação real dentro de um novo Data Center (DC) certificado SAS70 nível II. Líder em transformar e proteger soluções de TI corporativas em escala global, o Terremark está preparado para atender clientes de todos os portes. Possui redundância de energia, links e SLA de 99,9%. Ainda conta com localização estratégica, segurança física, proteção contra incêndio e climatização, entrada controlada. Além disso, a empresa mantém um CPD (Centro e Processamento de Dados) para desenvolvimento e homologação dos produtos internamente em sua matriz, localizada em Santos/SP.

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Seu e-mail não será publicado. *Campos obrigatórios.