Doenças Isquêmicas do Coração – As doenças que mais afastam os trabalhadores brasileiros

Saúde Ocupacional - 05/11/2013

Fatores como a hereditariedade e a má alimentação, unidas à falta de exercício físico, originam a enfermidade responsável por uma média de 75 mortes por dia só no Estado de São Paulo

isquemiaPara dar sequência à série de posts que falam sobre as doenças que mais afastam os trabalhadores brasileiros, o SOC Blog chega à sua sétima produção: as doenças isquêmicas do coração. De acordo com dados coletados pelo Ministério da Previdência Social, o portal IG publicou uma matéria listando as 10 doenças que mais afastaram os trabalhadores brasileiros. Foram contabilizadas as licenças com duração superior a 15 dias, sem levar em conta se a origem era a ou não ocupacional. Em primeiro lugar desse ranking estão as dores nas costas, seguidas dos joelhoshérnias inguinaistranstornos de humormiomas uterinos e varizes respectivamente.

Segundo informações do site do Dr. Drauzio Varela, as doenças isquêmicas do coração acontecem quando as artérias ficam obstruídas pela formação de placas de gordura, diminuindo o diâmetro dos vasos. Isso causa um comprometimento da circulação sanguínea, já que o sangue enfrenta dificuldades para passar por esses vasos. Assim, há uma falta de oxigenação das células do coração, deixando-as doentes e, conforme a nomenclatura médica, isquêmicas. Esse quadro pode levar a pessoa a sofrer infarto e ocasionar a morte das células cardíacas.

De acordo com a página, os sintomas envolvem a dor ou pressão no peito, falta de ar, suor, palidez e até dores nos dentes, podendo variar de acordo com a pessoa. As causas das doenças isquêmicas do coração estão ligadas ao fumo, diabetes, hipertensão, altos níveis de colesterol e histórico familiar (principalmente se os parentes mais próximos foram diagnosticados com a doença). É preciso tomar cuidado com essa doença,  já que ela é responsável por 75 mortes diárias só no Estado de São Paulo, segundo dados da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo.

Para tratar as doenças isquêmicas do coração, é preciso adotar um estilo de vida saudável. A alimentação balanceada e a prática de exercícios físicos devem estar presentes no cotidiano da pessoa, diminuindo as chances de desenvolver as doenças isquêmicas do coração. O site esclarece que a nossa sociedade é competitiva, estressada e obesa, sendo que todos esses elementos estão relacionados ao número de óbitos por infarto. O problema é a adesão das pessoas, que não estão dispostas a adotar uma vida equilibrada, já que uma boa alimentação e a prática de exercícios evitam pressão alta, diabetes e reduzem os índices de obesidade, fatores de risco para a doença.

7 Comentários
  1. […] Para dar continuidade à série de posts que falam sobre as 10 doenças que mais afastaram os trabalhadores brasileiros no período de um ano, o SOC Blog chega à oitava produção: as hemorragias durante a gestação. Os dados são do Ministério da Previdência Social, que considerou os afastamentos com duração superior a 15 dias, sem levar em conta se a origem é ou  não ocupacional . O portal IG divulgou essa lista e em primeiro lugar estão as dores nas costas, seguidas dos joelhos, hérnias inguinais, transtornos de humor, miomas uterinos, varizes e doenças isquêmicas do coração respectivamente. […]

  2. Emilene Silva De França disse:

    Meu marido sente fortes dores no peito, mas quando faz os exames, dá normal. E ele de vez em quando vive com a pressão oscilando.

    • Olá Sra Emilene,

      O ideal é que o seu marido procure um médico para saber exatamente o que está acontecendo com ele!

      Agradecemos pelo seu comentário.

  3. Gostaria de saber sobre uma doença cardíaca, em que o paciente é do sexo feminino, hipertensa, obesa, com diabetes tipo 2, apresentou precordialgia após estresse emocional, internada com alterações no ECG, sugestivas de IAM ântero-septal, com elevação de CPK total, CKMB, com troponina não reatora e categoria normal.

    O que é a síndrome do coração atordoado? Após episódio de possível insuficiência coronariana, com alterações enzimáticas, troponina normal e cineangiocoronariografia normal, seriam alterações microvasculares?

    Grata.

    • Olá Sra Gloria,

      Para que o paciente tenha um diagnóstico dos sintomas descritos, é necessário que ele procure um médico para fazer todos os exames necessários e sanar as possíveis dúvidas.

      Agradecemos o seu comentário!

  4. […] no peso ideal e não fumar. Essas medidas também contribuem para diminuir a incidência das doenças isquêmicas do coração, uma das doenças que mais afastou os trabalhadores. É importante ressaltar que o estresse […]

  5. […] deve ficar mais alerta e procurar um médico imediatamente, já que o quadro pode evoluir para doenças isquêmicas do coração. Para os que não têm esse tipo de histórico, a probabilidade de que essa dor seja oriunda de […]

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Seu e-mail não será publicado. *Campos obrigatórios.