Conselho Federal de Medicina reconhece possibilidade de atendimento médico à distância

Novidades, Saúde Ocupacional - 20/03/2020

Por conta da pandemia do coronavírus, o Conselho Federal de Medicina busca alternativas para atendimento médico à distância. Saiba mais.

Conselho Federal de Medicina reconhece possibilidade de atendimento médico à distânciaNo dia 19 de março (quinta-feira), o Conselho Federal de Medicina encaminhou um ofício ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, informando a decisão de reconhecer a possibilidade e ética no uso da telemedicina no Brasil. Como algo a mais além do que está estabelecido na Resolução CFM nº 1.643/2002, que continua em vigor.

A decisão é uma exceção enquanto vivemos na fase da pandemia do COVID-19, buscando combatê-la da melhor forma possível.

► Acesse na íntegra o ofício enviado ao Ministério da Saúde.

Por que esta decisão?

A ideia é poder combater a epidemia e não deixar a sociedade sem os atendimentos médicos. Isso porque não há apenas o coronavírus no mundo e as pessoas continuam precisando de atendimentos médicos e consultas por outros motivos.

Sem necessidade de contato humano e evitando a proliferação do vírus. O objetivo é proteger tanto os profissionais da saúde quanto pacientes, utilizando a tecnologia e seus meios a favor da sociedade.

Quais os atendimentos médico à distância serão realizados?

O Conselho Federal de Medicina (CFM), decidiu aperfeiçoar o máximo a eficiência dos serviços de médicos prestados, enquanto durar o combate ao vírus.

Reconhecendo, assim, a possibilidade e eticidade em utilizar a telemedicina, além do disposto na Resolução CFM n° 1.643, de 26 de agosto de 2002, seguindo os estritos e seguintes termos:

  • Teleorientação: Para os profissionais da saúde realizarem orientações e encaminhamento dos pacientes em isolamento, à distância;
  • Telemonitoramento: Monitoramento ou vigência, à distância, de parâmetros de saúde e/ou doença, sob orientação e supervisão médica;
  • Teleinterconsulta: para médicos trocarem informações e opiniões para auxílio diagnóstico ou terapêutico.

Todas as decisões tomadas pela CFM são em prol da saúde coletiva e junto ao governo brasileiro.

Saiba mais sobre nossos conteúdos:
► Saiba como utilizar as ferramentas do SOC para o teleatendimento.
► Possíveis atitudes de empresas de acordo com surtos do Coronavírus.
► eSocial terá parada programada para manutenção.
► Case de Sucesso: Aptus sua evolução junto ao SOC.

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Seu e-mail não será publicado. *Campos obrigatórios.