Cuidados que todo profissional da saúde deve ter consigo mesmo

Saúde Ocupacional, Segurança no Trabalho - 14/05/2020

Profissionais da saúde lidam diariamente com o público e estão na linha de frente do combate às doenças, mas também necessitam de cuidados essenciais para garantir sua saúde e integridade física. Saiba quais são alguns dos cuidados recomendados para esses profissionais.

Cuidados que todo profissional da saúde deve ter

A pandemia recente do novo coronavírus (COVID-19) causou impactos negativos ao redor do mundo todo, sobretudo para o profissional da saúde que está na linha de frente do combate à doença.

Esses profissionais trabalham em diferentes setores, tanto público como privado, e possuem contato direto com os pacientes infectados pelo vírus. Por isso, são muitos os cuidados que precisam ter consigo e com a sua rotina.

Cuidados que o profissional da saúde deve ter

Trabalhar na área da saúde em um momento tão conturbado da história não é uma tarefa fácil e são muitos os desafios diários para lidar de maneira saudável com essa situação.

Saiba quais os cuidados pessoais que o profissional da saúde precisa se atentar nesse momento:

1. Higienização pessoal

Falar de higiene é crucial nesse momento tão crítico para a saúde mundial, e uma coisa é certa: devemos nos proteger e manter nossa higienização em dia. Profissionais da saúde devem se atentar aos banhos, higienização correta das mãos e das roupas que utilizam no hospital e de locais como a sua casa e carro, pois são grandes acumuladores de bactérias.

2. Barreira sanitária

É muito natural a preocupação das famílias dos profissionais da saúde, afinal, o vírus se espalha com muita facilidade.

Nesse sentido, é essencial que os profissionais possam estabelecer uma espécie de barreira sanitária para os familiares e amigos. Isso significa um afastamento físico daqueles com quem convive, evitando abraços, beijos e, se possível, dormir em um local isolado da casa.

3. Proteção individual

A higienização é crucial nesse momento, mas para quem está na linha de frente do combate ao vírus, deve prezar ao máximo pelo uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI), como:

– Máscaras;

– Viseiras de acetato;

– Jalecos de proteção;

– Etc.

Esse é um procedimento fundamental para evitar a propagação do vírus, portanto, é essencial solicitar o fornecimento desses equipamentos para o setor responsável pela distribuição.

Importância desses cuidados para o profissional da saúde

Necessitam desses cuidados para garantir a sua própria saúde e integridade física:

– Médicos;

– Enfermeiros;

– Fisioterapeutas;

– Dentistas;

– E toda a equipe que compõe o trabalho hospitalar, como a de limpeza e da recepção.

Isso pois o vírus se espalha de maneira rápida e os principais alvos são justamente aqueles que estão na batalha para curar os pacientes infectados.

Nesse sentido, toda a proteção e procedimentos de higiene são de extrema necessidade para evitar a propagação do vírus.

Esses são cuidados indispensáveis para os profissionais da saúde que estão na linha de frente contra o vírus e precisam se atentar mais do que nunca a todas as precauções.

Outro ponto muito importante é o cuidado com a saúde mental que, mais do que nunca, precisa de força e estabilidade para lidar com essa situação.

Importância dos cuidados com a saúde mental

Todos temos ciência do difícil momento que está sendo vivenciado no mundo todo, em razão da pandemia do novo coronavírus. É justamente por esse motivo que os profissionais da saúde precisam cuidar da sua saúde mental como forma de evitar o adoecimento psicológico e surgimento de doenças psicossomáticas.

Atualmente alguns psicólogos e psiquiatras trabalham com as terapias online e métodos específicos para os profissionais da saúde.

Para quem trabalha nessa área, é interessante buscar por essas alternativas como forma de autocuidado, pois é fundamental para atravessar esse momento.

Acesse o nosso site e conheça mais sobre os nossos serviços.

> 4 cuidados com a saúde mental em meio a uma crise ou pandemia

Uso de EPIs em meio a pandemia: Esclarecimentos em Nota Técnica da Anvisa

Supremo Tribunal Federal (STF) reconhece COVID-19 como doença ocupacional

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Seu e-mail não será publicado. *Campos obrigatórios.