10 dicas de ginástica laboral para produzir melhor no home office

Novidades, Saúde Ocupacional - 24/07/2020

Está trabalhando em casa enquanto a pandemia do novo coronavírus e a quarentena não acabam? Confira aqui 10 dicas de ginástica laboral para produzir melhor no home office e não descuidar da saúde!

 10 dicas de ginástica laboral para produzir melhor no home officeA pandemia do novo coronavírus aumentou o número de pessoas trabalhando em casa. Com a quarentena e o isolamento social, a modalidade ganhou destaque e deve crescer cerca de 30% no Brasil, segundo a Fundação Getúlio Vargas.

Diante deste “novo normal”, é importante se atentar em um detalhe que pode fazer a diferença na produtividade: a prática de ginástica laboral. Além de combater a fadiga, a má postura e os desconfortos musculares causados por esforços repetitivos, esta prática alivia sintomas de depressão e ansiedade que podem surgir neste momento.

Se você está trabalhando em casa, confira 10 dicas de ginástica laboral para produzir melhor no home Office.

Pausas

Primeiro, você deve entender a importância de fazer pausas curtas e frequentes durante o trabalho. Experimente fazer isso e descubra o quanto essa prática simples pode impactar na sua produtividade e, principalmente, na sua saúde.

A seguir, conheça alguns alongamentos de ginástica laboral para realizar nestes momentos de pausa. A maioria pode ser feita sem que você tenha que levantar da cadeira, mas você pode realizar os alongamentos em pé, o que também ajuda a esticar as pernas e não ficar muito tempo sentado. O tempo mínimo para cada posição é de 15 segundos.

Dica 1

Sentado ou em pé, entrelace as mãos e eleve os braços acima da cabeça, esticando todo o corpo e flexionando ambos os ombros.

Dica 2

Também sentado ou em pé, estique ambos os braços para frente, mantendo os ombros flexionados. Feito isso, sustente uma mão com a outra por 15 segundos. Repita com a outra mão.

Dica 3

Eleve um dos braços acima da cabeça, flexione o cotovelo para trás e apoie a mão na parte superior das costas. Com a outra mão, segure o cotovelo e puxe-o para dentro, contraindo o abdome. A posição também pode ser feita em pé ou sentado e deve ser mantida por pelo menos 15 segundos para cada braço.

Dica 4

Seja sentado ou em pé, levante ambas as mãos na lateral do corpo e comece a movimentar os punhos em sentido rotativo. Faça isso com as mãos entrelaçadas por pelo menos 15 segundos.

Dica 5

Aproxime os ombros à frente do corpo e afaste-os para trás, abrindo bem o peitoral. Mantenha esta movimentação constante e respiração sempre ativa. Para finalizar, volte à posição inicial e relaxe os ombros.

Dica 6

Mais uma posição que pode ser realizada tanto sentada, quanto em pé: com um dos braços flexionados para trás do corpo, relaxe o pescoço para o outro lado e, com a mão livre, alongue o pescoço. O ombro do braço flexionado para trás deve estar relaxado. Após 15 segundos, retire a mão de apoio, neutralize o pescoço e repita o alongamento para o outro lado.

Dica 7

Entrelace os dedos das mãos atrás do corpo, estenda os cotovelos e eleve os braços o máximo possível. Relaxe os braços, contraia o abdome e mantenha a respiração ativa e o olhar à frente. Retorne relaxando os ombros e abaixando os braços.

Dica 8

Flexione os joelhos, entrelace os dedos das mãos e estenda os braços à frente do corpo. Esconda a cabeça entre os braços e arredonde a coluna. Para finalizar, faça o caminho contrário: alinhe a coluna, eleve a cabeça, abaixe os braços e estenda os joelhos.

Dica 9

Apoie a mão esquerda na lateral esquerda do queixo e empurre-o para o lado direito. Relaxando os ombros, sinta o alongamento do pescoço, ao mesmo tempo em que mantém o corpo ereto e o abdome contraído. Após 15 segundos, retire a mão do queixo, retorne à posição inicial e repita para o outro lado.

Dica 10

Flexione os joelhos e apoie as mãos na lombar. Em seguida, incline o tronco levemente para trás e eleve o queixo, olhando para cima e mantendo a respiração ativa.

Se você é um prestador de serviço na área de Saúde e Segurança do Trabalho ou possui uma empresa com SESMT, que tal conhecer o SOC? Trata-se de um Software de Saúde Ocupacional ideal para vencer os desafios da área de SST, além de ser o maior Software Integrado de Gestão Ocupacional 100% online do Brasil e contar com mais de 18 anos de inovação no mercado.

Com o SOC, você tem segurança operacional, disponibilidade, confidencialidade e integridade na gestão da sua equipe e da prestação dos serviços. Estamos em 26 estados e gerenciamos 370 mil empresas pelo Brasil. Conheça o SOC agora mesmo!

Leia mais:

» A relação entre ergonomia e o trabalho home office

» Como fazer a gestão da saúde e segurança dos funcionários em home office

» Entenda a possibilidade de redução dos acidentes de trabalho devido a pandemia

DEIXE SEU COMENTÁRIO:

Seu e-mail não será publicado. *Campos obrigatórios.